Conteúdo

Conselhos e sugestões para evitar desgaste ou problemas com brocas sólidas de metal duro

As ferramentas de corte e, portanto, também as brocas sólidas de metal duro são cada vez mais exigidas durante a usinagem, o que significa que o desgaste e os problemas de uso ocorrem com mais freqüência. Se surgirem problemas durante a usinagem com brocas sólidas de metal duro, os seguintes conselhos e sugestões podem ajudá-lo:

  • Formação de arestas postiças 
  • Quebras dos cantos
  • Desgaste de flanco grande
  • Quebra na aresta principal
  • Desgaste arredondado no chanfro
  • Marcas de riscos na parte de trás do corpo da ferramenta
  • Desgaste grande nas arestas transversais
  • Quebra nas interseções entre a ponta da broca e aresta principal
  • Deformação plástica do canto de corte
  • Qualidade superficial ruim
  • Rebarba grossa na saída do furo

Formação de arestas postiças

Uma razão comum para arestas postiças é que a velocidade de corte é muito baixa, arredondamento excessivo da aresta de corte principal ou uma aresta de corte não revestida. No caso de problemas com a formação de arestas postiças, pode ser útil:

  • Velocidade de corteAumentar
  • Reduza o ângulo de afiação da aresta de corte
  • Selecione uma ferramenta com cobertura

Quebras dos cantos da aresta de corte

Condições instáveis, um erro de excentricidade muito grande ou corte interrompido podem ocasionar quebras dos cantos da aresta de corte. No caso de quebras dos cantos da aresta de corte, pode ser útil:

  • Mudar a fixação
  • Otimizar a concentricidade (Runout)
  • Diminuir o avanço

Desgaste frontal (flanco) excessivo

Velocidades de corte muito altas, avanços ou ângulos de folga muito pequenos podem causar desgaste frontal (flanco) excessivo. Para reduzir o desgaste o desgaste frontal (flanco), recomendamos

  • Reduzir a velocidade de corte
  • Aumentar o avanço
  • Aumentar o ângulo de folga

Quebra na aresta principal

A quebra da aresta na aresta de corte principal geralmente ocorre devido a condições instáveis, corte interrompido ou a largura máxima de desgaste é excedida. A escolha de uma ferramenta inadequada também pode ser a causa. Portanto, pode ser útil:

  • Fixação mais estável da peça e da ferramenta
  • Reduzir o avanço
  • Otimizar a ferramenta
  • Trocar a ferramenta mais cedo

Desgaste arredondado no chanfro

Condições instáveis, erro radiai de excentricidade muito grande ou conicidade traseira muito pequena podem causar desgaste nas guias. A refrigeração errada ou com baixa concentração costuma ser a causa. Em caso de problemas com o desgaste das guias, pode ser útil:

  • Fixação mais estável da peça e da ferramenta
  • Verificar a concentricidade
  • Aumentar a conicidade traseira
  • Melhorar a refrigeração e/ou aumentar concentração 

Marcas de riscos na parte de trás do corpo da ferramenta

Freqüentemente, condições instáveis, erros de concentricidade muito grandes ou cortes interrompidos são a causa de riscos na parte de trás do corpo da ferramenta. Este problema ocorre em particular com materiais abrasivos. Então, pode ser útil:

  • Mudar a fixação
  • Corrigir a concentricidade
  • Reduzir o avanço
  • Melhorar a refrigeração e/ou aumentar concentração 

Desgaste excessivo nas arestas de corte transversais

A velocidade de corte muito baixa, a taxa de avanço muito alta ou arredondamento da aresta de corte principal muito grande podem levar a um desgaste excessivo da aresta de corte transversal. Então, pode ser útil:

  • Aumentar a velocidade de corte
  • Reduzir o avanço
  • Optimizar a aresta de corte - selecionar outra geometria

Lascas nas interseções entre a ponta da broca e aresta principal

Se você está tendo problemas com lascas nas interseções entre a ponta da broca e aresta principal, no região de redução do núcleo da ponta ou na aresta de corte principal, isso pode ser devido a um ângulo de folga que é muito pequeno, um arrendondamento da aresta de corte principal que é muito grande ou a ferramenta incorreta foi selecionada. Portanto, pode ser útil:

  • Aumentar o ângulo de folga
  • Otimize a aresta de corte
  • Escolha outra ferramenta

Deformação plástica do canto de corte

Velocidades de corte excessivas, emulsão insuficiente, arrendondamento da aresta de corte incorreto ou nenhum, podem causar deformação plástica das arestas de corte. Então, pode ser útil:

  • Reduzir a velocidade de corte
  • Use mais refrigerante
  • Corrigir o arrendondamento da aresta de corte

Qualidade superficial ruim

A qualidade superficial ruim geralmente é devido a erros de concentricidade muito grandes, refrigeração insuficiente ou condições instáveis. Então, pode ser útil:

  • Verificar a concentricidade
  • Aumentar a concentração do líquido refrigerante
  • Mudar a fixação

Rebarba grossa na saída do furo

As rebarbas grossas na saída do furo podem ser causadas por avanço excessivo ou arredondamento excessivo da aresta de corte principal. Portanto, pode ser útil:

  • Reduzir o avanço
  • Reduza o ângulo de afiação da aresta de corte

Precisa de ajuda para selecionar a ferramenta correta ou os critérios de aplicação perfeitos?

Nossos engenheiros de aplicação, com muitos anos de experiência prática, ficarão felizes em ajudá-lo. Contate-nos.

Em nossa Loja On-line, você encontrará a broca sólida de metal duro perfeita para cada aplicação, 24 horas por dia.